Segurança

Crianças “fogem” de creche de SJP e são resgatadas por pedestres no meio da rua; assista

Ouça a matéria

Duas crianças fugiram de uma creche do município de São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, na tarde de quarta-feira (11). Imagens de uma câmera de segurança da região mostram a façanha dos pequenos alunos.

O caso foi no CMEI Sabiá Laranjeira, no bairro Borda do Campo. As crianças fujonas, um menino e uma menina, têm três anos de idade. Elas conseguiram deixar a sala de aula despercebidas e, apesar do local ter portões, elas foram parar – literalmente – no meio da rua.

Como mostram as imagens, no momento em que corriam pelo meio da rua, um carro chega a passar bem próximo das crianças. Logo em seguida, uma mulher cruza por elas e percebe que os pequenos estão desacompanhados de um responsável. Ela então aborda uma das crianças e a pega no colo, para devolver ao CMEI.

Enquanto isso, a outra continua a correr em direção a uma avenida. A segunda criança foi contida por um homem que passava pelo local e percebeu a situação. Ele precisa correr para conseguir pegar o menino, que ainda tenta correr do homem.

A mãe de uma das crianças disse estar indignada com a segurança da creche.

Ela disse que ela e o marido souberam apenas no dia seguinte o que havia acontecido na escola.

Assista ao vídeo das crianças fujonas

Enquanto as crianças eram resgatadas no meio da rua, as professoras procuravam pela dupla dentro das dependências da creche e não acreditavam que tivessem escapado. “Até então, não acreditaram que eles tinham saído. Estavam procurando dentro da escolinha. Imaginaram que tinha se escondido dentro do banheiro, alguma coisa assim”, relatou a mãe.

As próprias professoras assumiram para a mãe que o portão da creche fica aberto e que o filho dela teria saído pelo estacionamento.

A família do menino ainda não sabe se vai mantê-lo na escolinha por medo que a situação se repita. “Por mais que elas me falaram ontem que agora vão cadear tudo, dobrar mais a atenção. Mas a gente fica com medo. Dessa vez, graças a Deus, essa pessoa pegou ele, mas se tiver uma próxima vez, espero que não tenha, o que pode acontecer? Não só com ele, como qualquer outra criança. A gente que é mãe, sente, né?”, desabafa.

A Secretaria Municipal de Educação e a Prefeitura de São José dos Pinhais, diz em nota que, assim que tomou ciência do ocorrido no Centro Municipal de Educação Infantil Sabiá-Laranjeira, prontamente deu início aos processos administrativos para a apuração dos fatos.

A Prefeitura se solidariza com as famílias e reafirma o compromisso de tomar todas as providências para que situações como essa não voltem acontecer.

Esse é um fato isolado e não representa o padrão de qualidade e segurança que prezamos nas unidades educacionais de São José dos Pinhais.

Fonte
Banda B

Redação Litorânea FM

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do autor. A Rádio Litorânea tem o compromisso de levar a informação através de noticias da nossa região com agilidade e fidelidade aos fatos.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo